Categorias
Crianças De Mãe pra Mãe

A Bolinha Do Desespero

Minha filha Luize teve a capacidade de colocar uma bolinha de bijuteria (bolinha meio grandinha) no nariz.

Quase morro do coração!

Eu gritava com ela! Surtei!

Liguei para um amigo que é bombeiro e ele começou a me instruir, tipo sugar com a boca a narina e tapar a outra,
depois tentar colocar sugador d catarro no narizinho pra vê se sai, e nada deu certo!

Então liguei pro meu marido Ricardo (outro surtado) Ele ficou desesperado também, cancelou paciente(ele é dentista) e veio pra casa. Meu marido tentou com uma pinça odontológica tirar a bolinha, mas desistiu e fomos ao pronto atendimento

No caminho ela espirrou 5x .

No pronto atendimento fomos atendidos por uma pediatra muito gentil que acalmou a minha filha e a gente,conversou com a Luize e deu uma rápida examinada nela, ela explicou que em casos como esses sempre era bom tentar se acalmar e tapar uma narina e expira ar com a outra narina, Ai de repente a Luize começou a fazer o que a médica dizia e por fim na 3° tentativa saiu … Nossa como passei mal…

Estou grávida de 5 meses (outra menina ღ ) e realmente fiquei muitooo… Nervosa

Ela tem 5 anos de idade, portanto pensem antes de comprar esses presentes de fazer bijuterias para crianças pq o dela já foi pro lixo.

By até a próxima ღ

Categorias
Crianças De Mãe pra Mãe Humor

Tatuagem Na Piriquita

Nossa essa é uma história muito engraçada!

É incrível como criancinhas em sua ingenuidade nos fazem passar por cada uma…

Bom, como eu tenho alergia a Gillette, sempre vou a depiladora. E pouco tempo atrás,  que ela me apresentou uma moda que era colocar Tatuagens temporárias de papel de transferência (são aplicadas ao pressionar a frente da tatuagem em uma parte seca da pele e então molha-se a parte de fora do papel. O papel de transferência irá escorregar da pele assim que secar) na piriquita (como sou adepta a depilação brasileira ) então o resultado fica lindo e a gente ainda joga brilhinho de glitter.

Ai cheguei em casa (dolorida, né pq dói), ai que dor talz… ( comentando com a sogra), e minha filhinha almoçando para ir a escola

ai eu falei ai fiz a tatuagem (e a minha filha prestando atenção bem quietinha).

Depois ela me perguntou: _ Mãe a tatuagem doeu?

_Não filha, a tatuagem não

Ai eu expliquei a ela como foi feito, e ela quis ver, eu mostrei

Mas aquela não era 1°vez q eu tinha feito essa tatuagem, eu já tinha feito antes, e já tinha mostrado antes para a minha filha…

Ai levei ela para escola…

Quando fui buscar… a diretora me chamou e falou que a Luize tinha chego na sala de aula gritando:_Minha mãe fez tatuagem na Piriquita!Minha mãe fez tatuagem na Piriquita!Minha mãe fez tatuagem na Piriquita!Minha mãe fez tatuagem na Piriquita!

E….Tatuagem No Periquito

A sala ficou em polvorosa todo mundo queria saber como se faz tatuagem num periquito (pq eles estavam entendendo que era periquito passarinho, como se fazia tatuagem nas penas do passarinho)

A diretora teve que entrar na sala e acalmar a minha filha, pedir para ela para de falar sobre isso, e depois veio me perguntar o que tinha acontecido….

Pense na minha vergonha ao ter de explicar cara-a-cara para a diretora e a mãe diretora (as 2 são as diretoras da escolinha da minha filha) que eu tinha feito a bendita tatuagem na Piriquita (tatuagem falsa) e mostrei para a minha filha…

E hoje quando lembro morro de rir…

 

Categorias
De Mãe pra Mãe

Tatuagem com o Nome dos Filhos- Em Ambigrama

Como toda mãe babona, acabo de tatuar o nome das crianças.

Desde que li “Anjos e Demônios” Fiquei meio obcecada por ambigramas, que são essas palavras que podem ser lidas rotacionadas ou invertidas horizontalmente.

Fiz algumas pesquisas, até que achei a representação gráfica dos nomes deles. Olha só como ficou:

 

Nessa pesquisa tbm encontrei os nomes abaixo: veja se tem o nome do seu filhote aí:
[Clique para Ampliar]

Categorias
Blog

Voa Papagaio…

Samuel está naquela fase deliciosa do papagaio.
_gaio
Aquela fase em que a criança repete as ultimas silabas de todas as palavras que ouve.
_dove
Ou pelo menos tenta

De repente, sala em silencio as 11:00 da manhã. Estranho…
Grito da Cozinha:
_Samuel o que vc ta fazendo?
_endo
_Tá aprontando, né rapaz?
_paiz

Largo o frasco de Ipê e corro para a sala.
Lá está Samuel, sentado no primeiro degrau da escada, cuidadosamente folheando um Livro da Bela e a Fera.
_Tá lendo filho? Que lin…
_Nããão! Responde me cortando.
_Não, filho? Por que não?
_Num Xei!

 

Voou papagaio Loiro!!!

O papagaio que ainda não sabe ler, mas que já sabe ensinar a mamãe a não fazer perguntas que sabe a resposta e PRINCIPALMENTE que crianças de 2 anos e 1 mês não sabem ler.

 

Alguém me devolve meu bebê simpático, por favor?

Categorias
Blog

Oração de São Judas

Tá com dois dias de atraso, mas quem sabe hoje ele não ta menos atarefado…
Cuidado com o que for pedir… São Judas não brinca em serviço.

Oração de São Judas Tadeu
São Judas Tadeu, apóstolo escolhido por Cristo, eu vos saúdo e louvo pela fidelidade e amor com que cumpristes vossa missão.
Chamado e enviado por Jesus, sois uma das doze colunas que sustentam a verdadeira Igreja fundada por Cristo.
Inúmeras pessoas, imitando vosso exemplo e auxiliadas por vossa oração, encontram o caminho para o Pai, abrem o coração aos irmão se descobrem forças para vencer o pecado e superar todo o mal.
Quero imitar- vos, comprometendo- me com Cristo e com sua Igreja, por uma decidida conversão a Deus e ao próximo, especialmente o mais pobre.
E, assim convertido, assumirei a missão de viver e anunciar o Evangelho, como membro ativo de minha comunidade.
Espero, então, alcançar de Deus a graça que imploro confiando na vossa poderosa intercessão
(Faça o pedido da graça a ser alcançada…)
São Judas Tadeu, rogai por nós!
Amém!

Categorias
Bebês De Mãe pra Mãe

Método Mãe-Canguru

Eu também sou mãe de prematuro, a Malu nasceu com 34 semanas, quando o ideal são 40.

Passei muito mal durante a gravidez dela, o que resultou numa internação. Meu médico brinca que foi a primeira vez que alguém foi internado por causa da asma e saiu do hospital com uma criança no colo.

Na UTI neo-natal da maternidade, fui orientada pelas enfermeiras a colocá-la deitadinha junto ao meu peito, para que ela sentisse meu calor e os batimentos do meu coração. “Para ela pensar que está na barriga ainda, mãezinha”. O bem fadado método canguru.

E eu sou testemunha de uma coisa realmente impressionante, toda vez que ela estava nervosa, chorando ou agoniada era só  colocá-la no meu peito que rapidamente ela se acalmava. E também vi que os bebês que recebiam mais carinho da mãe nesses primeiros momentos saiam mais rápido da UTI. Lembro de um bebê nascido com 30 semanas de gestação que ficava no bercinho da frente, um menino, e que já estava lá a mais de 1 mês, a mãe não podia vir todos os dias para ficar com ele, porque morava em Bragança Paulista e uma auxiliar de enfermagem, uma senhora daquelas que parece ter aprendido a profissão no dia-a-dia e não com cadernos e livros, me disse quando perguntei a respeito daquele bebê tão pequenininho: “Esse, tadinho, vai ficar aqui mais um bom tempo, ele é doido por um peito, mas como a mãe dele não pode vir todo dia ele só come pela sonda”. Bom, eu só ia para o quarto para trocar os curativos e para o almoço, o resto do tempo ficava lá na UTI com ela, e ela só ficou um dia a mais que eu no hospital. Sai dia 31 de dezembro de 2007 e ela recebeu alta no dia 01 de janeiro de 2008. Virada de ano legal, né?

Quando cheguei em casa, dividi o canguru com o pai dela para eu poder ir tomar banho, arrumar alguma coisa, etc…Sempre que ele chegava do trabalho e depois de um banho (Claro!), colocava ele para ficar agarrado com ela um pouquinho. E funcionava bem também:

Porque isso acontece, ninguém sabe explicar, mas acontece, é fato.

Tanto que foi uma orientação do hospital. Nas andanças pela internet achei esse site: http://www.30anosdemae-canguru.com/ apoiado inclusive pelo ministério da saúde.

Ser mãe, em si já é um tanto milagre.

APP